No mundo de “superficiais”, na… Simone Bezerra da Silva

No de “superficiais”, na dúvida é melhor não usar o coração.