Estou morrendo aos poucos, castigado por… Eduardo Aques

Estou morrendo aos poucos,
castigado por essa saudade
Volta e trás junto a felicidade
Seu lugar é aqui comigo
Meu grande amigo, o amor!



Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.