É necessário realizar o possível para tocar o impossível.